Páginas

sexta-feira, 17 de maio de 2013

Sobre a adoção por parte de casais homossexuais


Hoje fala-se muito sobre a adoção de crianças por parte de casais homossexuais. Eu dei por mim a pensar no caso de eu desaparecer e desaparecesse do universo todos aqueles familiares que podiam ficar com a minha filha, se eu gostaria que ela fosse criada por um casal homossexual (independentemente de serem dois homens ou duas mulheres) e cheguei à fácil conclusão que só queria que ela fosse para um lar que a amasse, que a respeitasse, que lhe desse bases e mimo, que tivesse paciência para lhe ler uma historia ao fim do dia e se ela gostasse muito da historia, que tivesse paciência para a repetir incessantemente, que lhe lavassem os dentes como ela gosta, que lhe cantassem a canção do ‘papão vai embora e deixa a Maria dormir’ à noite, que estivessem sempre atentos e disponíveis para ela, que a amassem profundamente e a defendessem sempre e o máximo possível contra todos os males da humanidade. Era-me indiferente que fossem dois homens ou duas mulheres, completamente indiferente. Respondi?
 
a minha bebé quando ainda era mais bebé do que é hoje
 
 

11 comentários:

  1. a tua bebé tem cá uns olhinhos lindos :) grandesssss!!! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. POis tem, é a caracteristica dela: os olhos que têm todo o mundo dentro. Obrigada.

      Eliminar
  2. Perfeitamente! E qualquer pessoa que queira o melhor para as crianças (as nossas e as dos outros) responderia o mesmo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem mais. Trata-se de querer o melhor para as nossas crianças

      Eliminar
  3. Trata-se de querer o melhor para as crianças e trata-se de justiça...igualdade...liberdade. Trata-se de tratar como iguais os que não são diferentes em nada. Pessoas, que podem ou não ter competências para serem os melhores pais do mundo, mas cujas competências não são em nada afetadas por serem homo, hetero ou bissexuais. E a postura, julgo eu, tem de ser mesmo essa: que me importa se são dois homens, duas mulheres um homem e uma mulher? São pessoas? Os valores que gostava que levassem atá às minhas filhas estão lá? O amor está lá? O carinho, o cuidado, a entrega? Se sim, o resto é qpanas uma questão de pormenor...

    ResponderEliminar
  4. Respondeste.

    Aqui fica a minha opinião:

    http://marta-dolcefarniente.blogspot.pt/2013/05/o-tema-quente-do-meu-dia.html

    ResponderEliminar