Páginas

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Natal

‘Um dia, quando a vida te entrar nos ossos, vais deixar de gostar assim, dessa forma infantil, do Natal’.


Foi para mim que esta frase foi proferida. Foi numa outra vida, num outro inverno, quase me parece numa outra galáxia. A vida já me entrou nos ossos e a verdade é que gosto menos do Natal, mas o que gosto é ainda de uma forma infantil. Esta é a melhor maneira de se gostar do Natal: através dos olhos da minha filha. 


2 comentários:

  1. Os teus olhos, a tua expressão, têm tanto da tua filha (sim, é mesmo isso que quero dizer e não o contrário)... além de impressionante, é lindo.

    Filipa Vasconcelos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um grande beijinho. Comoveu-me profundamente.

      Eliminar